André Rocha conquista ouro no Mundial De Paratletismo no Japão

André Rocha conquista ouro no Mundial De Paratletismo no Japão

O paratleta André Rocha, da equipe do programa Esporte Para Todos da Prefeitura de Taubaté, ganhou a medalha de ouro neste domingo, dia 19, na modalidade de lançamento de disco no Campeonato Mundial de Paratletismo em Kobe, no Japão.

Aos 46 anos de idade, consagra-se campeão mundial pela segunda vez na história e demonstra que está em ótima fase ao vencer seus adversários com a marca de 20,72m na classe F52.

A final da disputa do disco na classe F52 contou com seis atletas. André Rocha, por ser o atual líder do ranking mundial, foi o último a fazer seus lançamentos, com a vantagem de já saber quanto precisaria alcançar para subir ao pódio.

O taubateano queimou sua primeira tentativa, mas já na segunda rodada encaixou um bom lançamento de 20,04m e assumiu a liderança, já garantindo o prêmio. Na terceira rodada fez 19,47m, queimou sua quarta jogada, e na quinta rodada conseguiu 17,29m. No sexto e último lançamento, o esportista ultrapassou sua marca chegando a 20,72m, fechando a prova com a celebração do bicampeonato mundial.

“Entrei na gaiola de lançamentos focado em descer o braço em todas as tentativas, e sabia que tinha totais condições de fazer uma boa marca para levar o ouro. A chuva atrapalhou um pouco, mas faz parte do atletismo, e consegui render muito bem. Essa medalha também é de vocês (Taubaté). É do Brasil”, comentou André após a prova.

O ouro em Kobe é a terceira medalha de André Rocha em campeonatos mundiais. O atleta estreou em Londres 2017 quando foi campeão mundial do lançamento de disco F52, prova em que também bateu o recorde mundial da prova, marca esta que até hoje pertence a ele, com 23,80m. Em 2023, foi medalhista de bronze em Paris.

Sua jornada no atletismo paralímpico começou em 2013, quando conheceu o programa Esporte Para Todos, em Taubaté. O paratleta atuava como policial militar e, durante uma perseguição, sofreu um acidente que lesionou sua coluna. Após diversas cirurgias, André Rocha ficou paraplégico. Por meio do basquete em cadeira de rodas, entrou no projeto de Taubaté. Logo experimentou o atletismo e se encontrou no arremesso de peso e no lançamento de disco.

Já classificado para os Jogos Paralímpicos de Paris 2024, André terá ainda dois compromissos no Brasil. Ele disputa em junho a 2ª Fase do Circuito Nacional de Paratletismo e o Meeting Paralímpicio de São Paulo. Depois disso, o foco é total para as Paralimpíadas, que serão disputadas de 28 de agosto a 8 de setembro.

 

Ler 258 vezes
Entre para postar comentários
Go to top